Pular para o conteúdo principal

Dicas para uma boa redação no Enem

 
 
O aluno deve procurar seu melhor jeito de escrever, saber quais são os temas atuais mais relevantes e argumentar. Não existe segredo, mas ampliar o repertório sempre ajuda

A redação é uma das provas mais temidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), bem como nos vestibulares e em qualquer outro tipo de concurso.... é cultural! Mas, segundo a coordenadora de produção de texto do Colégio Bom Jesus, Cleuza Cecato, não há segredo: é treino, leitura e conhecimento das regras de português, bem como das exigências pontuais de qualquer concurso a que o candidato esteja submetido. Para os estudantes que prestarão o Enem em 2018, é mais do que importante gravar as datas 4 e 11 de novembro, quando ocorrerão as provas. A redação será no primeiro domingo (04), juntamente com as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Ciências Humanas. Ao todo, serão 90 questões, além do texto de até 30 linhas.

O melhor jeito – De acordo com a professora Cleuza, “não existe o melhor jeito!”. A especialista dá apenas um conselho: “na hora da prova, não é o momento de testar nada de diferente. É hora de aplicar a estratégia a que melhor se adaptou durante a preparação e que, na sua opinião, passou mais segurança. Inovar neste momento pode comprometer o conteúdo e as ideias ou levar o candidato a extrapolar o tempo disponível”, explica Cleuza.

Para fazer uma boa redação em concursos diversos e no Enem, é preciso praticar. “O que dá desenvoltura para escrever é escrever, ler, estar atento aos assuntos da atualidade, criar argumentos, defender ideias, provocar e concluir”, aconselha a professora.

O Enem – O Enem é uma prova multidisciplinar muito bem elaborada, de acordo com especialistas. Os conteúdos da atualidade e do Ensino Médio podem permear todas as matérias e a redação também. “O indicado é que o aluno resolva as provas dos anos anteriores para que esteja familiarizado com o formato e com o tempo que leva para resolver. Afinal, cinco horas corridas é bastante tempo e exige preparo, físico e psicológico”, complementa a professora do Bom Jesus.

Temas prováveis – Os temas da redação do Enem podem seguir três eixos: meio ambiente, sociopolítico e cultural ou comportamental. Partindo desses princípios, é importante que o estudante esteja atento a alguns fatos relevantes que levem a esses eixos e datas históricas expressivas.

Datas históricas expressivas em 2018:
· 30 anos da Constituição do Brasil
· 50 anos da revolta de 68 iniciada na França
· 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos
· 130 anos da abolição da escravidão
· 50 anos do assassinato de Martin Luther King

“Você sabe falar sobre esses temas, tem argumentação a respeito? Seria bom contemplá-los em seus estudos. Eles podem cair na prova de redação ou de qualquer outra matéria”, sugere a coordenadora.

Temas da internet
· Eleições
· Fake news
· Refugiados
· Crise/greve dos caminhoneiros
· Copa do Mundo
· Sistema carcerário
· Reforma trabalhista
· Bullying
· Obesidade

Em relação aos temas que são facilmente encontrados em sites de pesquisa, a professora do Bom Jesus faz um alerta: “eles podem e devem ser considerados, mas, em virtude do perfil da prova, dificilmente os elaboradores serão tão fiéis e pontuais aos temas encontrados no Google. Para treino, considerem o tema, contextualizem, problematizem e deem as características de autoria que um bom texto merece”, conclui Cleuza.

Comentários