Pular para o conteúdo principal

Eleições Jockey

Cresus Aurélio Wagner Camargo, presidente do Jockey Club do Paraná, reafirma sua imparcialidade desde o início do registro das duas chapas de candidatura ao pleito eleitoral da instituição. Em nenhum momento, Camargo declarou apoio a qualquer das chapas concorrentes e rebate o que tem sido divulgado em sentido contrário. “No meu entender, ambas as chapas são de oposição, já que não houve manifesto de minha parte em apoiar uma ou outra”. 

Camargo buscou promover uma eleição pacífica no dia 14 de março, o que não ocorreu, em virtude de fatores alheios à sua atuação, que causaram o tumulto instalado no local da votação e que levaram ao cancelamento do processo eleitoral. Agora, seus esforços concentram-se em reorganizar as atividades com vistas à retomada da eleição. 

O presidente encerra a sua gestão no dia 30 de março, data que será realizada Assembleia Extraordinária para votação da permanência da atual gestão por mais nove meses, período necessário para reorganizar o processo eleitoral com mais segurança e igualdade para os associados. Quanto a estender seu mandato, Cresus A. W. Camargo afirma estar à disposição do Clube e irá acatar a decisão. “Só devo permanecer, se assim for decidido, para conduzir o processo em respeito aos nossos associados. E quanto aos candidatos ao pleito, espero que vença o melhor para o Jockey”, comenta.

Comentários