Pular para o conteúdo principal

Cadeiras com estilo e segurança



Na hora de escolher uma cadeira, para a maioria das pessoas o estilo da peça vem sempre em primeiro lugar. Porém, ao prestar atenção somente no quesito beleza, corre-se o risco de comprar produtos que deixam a desejar em um fator muito importante quando se fala nesse tipo de móvel: a resistência.

“Em cadeiras, resistência significa segurança”, é o que garante Miguel Feres Rodrigues, arquiteto e sócio da Habitable Cadeiras, que fabrica e vende esses produtos, inclusive para países como os Estados Unidos, há mais de 20 anos. “Se o móvel for bem feito e utilizar materiais de qualidade, dificilmente ocorrerá quebra devido ao mau uso e ao sobrepeso”, garante.

Segundo o especialista, a madeira utilizada para a fabricação da sua estrutura é de grande importância. “Ela deve ser maciça, bem seca, com veias retas e, preferencialmente, leve. Os tipos mais indicados atualmente e que usamos na fábrica são a teca, o jequitibá e o tauari branco. As três oferecem ótima resistência”, garante.

Além da madeira, o processo de fabricação também exige cuidados específicos para garantir a segurança e a durabilidade de cada produto. “Na Habitable desenvolvemos uma técnica que chamamos de “alma de metal”, um reforço metálico interno colocado em todas as nossas peças. Além de reforçar a estrutura, ela assegura que, mesmo se houver rompimento da madeira, a cadeira não irá desmontar”, explica Miguel.

O processo cuidadoso de produção na fábrica da Habitable Cadeiras não termina por aí. “Podemos dizer que trabalhamos de forma artesanal, privilegiando a qualidade estética, a resistência e a durabilidade dos produtos. Apesar de termos maquinários modernos, tratamos cada cadeira como se fosse única, por isso temos uma produção limitada a 500 cadeiras mensais. Mais do que isso não conseguiríamos proceder com a mesma metodologia de fabricação atual, a qual garante a segurança, a beleza e a qualidade que tanto presamos”, finaliza o arquiteto.

Comentários