Pular para o conteúdo principal

Bullying leva crianças a consultórios de cirurgia plástica

Alexandre Mansur

O público adulto é o mais frequente em clínicas de cirurgia plástica, porém há procedimentos que também podem ser realizados por crianças, como a otoplastia. A correção de orelhas de abano é indicada a partir dos seis anos e a procura pelo médico é motivada pelo desconforto da própria criança, normalmente causado por brincadeiras de mau gosto dos colegas de escola, por meio de apelidos que ressaltam essa imperfeição.

O primeiro passo após a consulta acompanhada dos pais ou responsável legal que autorizem formalmente a operação são os exames laboratoriais e a visita a um anestesiologista. Segundo o médico especialista em cirurgia plástica, Alexandre Mansur, o procedimento é simples e eficaz, além de rápido: dura em média uma hora. “Uma das vantagens é que a cicatriz fica escondida atrás da orelha, ou seja, não é aparente. A cartilagem é remodelada a partir de uma incisão nesse local, com pontos para fazer a curva natural dela”, explica.

Os resultados são aparentes após três ou quatro semanas de realizada a cirurgia, período em que deve ser usado curativo e uma faixa elástica para proteção. Além da estética, como consequência há também o aumento da autoestima dos pacientes mirins.

Comentários