Pular para o conteúdo principal

Agência de Internacionalização do Paraná


O secretário de Indústria e Comércio do Paraná, Ricardo Barros, está apostando suas fichas no aumento da competitividade internacional do Estado. Dentre suas idéias, está a criação da Agência de Internacionalização do Paraná, cuja formatação vem sendo discutida em encontros com lideranças do setor. Ontem, na sede da FESP, apresentou a professores e autoridades um plano de internacionalização de carreira. A idéia é criar para os estudantes um ambiente internacional, onde experiências profissionais do exterior possam fazer parte da formação, o que gera um diferencial de currículo.

Um seminário com técnicos da Secretaria da Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul, câmaras de comércio, cônsules, federações e entidades do setor de comércio exterior vai definir a formatação da Agência de Internacionalização do Paraná, órgão que vai ampliar a participação do Estado no mercado internacional. O segundo encontro para debater a criação da Agência reuniu mais de 20 instituições, 15 cônsules e 17 representantes de câmaras de comércio. Entre eles estavam o presidente da Associação Exportadora do Brasil (AEB) e do Sindicato de Comércio Exterior do Estado do Paraná, Zulfiro Antonio Bósio.

Comentários